ÚLTIMAS NOTÍCIAS / CARNAVAL
Atual campe„ em SP, Rosas de Ouro terŠ Ali BabŠ, ciganos e amuletos para falar de sorte
Quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011
 
 
Em 2008 falamos de perfume, em 2009 de sonhos, em 2010 de chocolate. Agora vamos falar de sorte”, conta Angelina Basilio, presidente da atual campeã do Carnaval de São Paulo, a Rosas de Ouro. A agremiação, que desfila na sexta-feira de Carnaval, dia 4 de março, prepara para este ano o enredo “Abra-te Sésamo, a Senha da Sorte”.
A expectativa pelo bicampeonato da escola, que em 2010 conquistou a nota máxima em todos os quesitos, não incomoda o carnavalesco  Jorge Freitas, há quatro anos à frente do desfile da Rosas. “Nossa obrigação não é ser bicampeã, mas fazer um belo espetáculo”, diz ele, que afirma ter encontrado uma linha de temas populares e de fácil exploração plástica na avenida para seguir.
 
Alegorias
 
Dividido em cinco alegorias e com um orçamento de R$ 2 milhões, o desfile da Rosas de Ouro tem início com uma comissão de frente formada por 13 componentes, fazendo alusão àquele que é considerado, por alguns, o número da sorte. No primeiro carro alegórico serão retratados os 12 apóstolos, as 12 colunas de Hércules, os 12 meses do ano e os 12 signos.  “O décimo terceiro componente é o Espírito Santo, a ligação do homem com o criador”, explica o carnavalesco Jorge Freitas.
 
A história do conto “Ali Babá e os Quarenta Ladrões” que inspira o samba-enredo será explorada no segundo carro. A terceira alegoria está reservada a amuletos como figa, ferradura, trevo de quatro folhas e fita do Nosso Senhor do Bonfim. Os ciganos também estarão representados em uma alegoria da Rosas de Ouro.
 
Essências na avenida
 
Em 1979, a agremiação levou pela primeira vez ao sambódromo a ideia de um ‹desfile com essências‹ com o samba-enredo “Conversando com as Flores”. Na época, o cheiro de flores foi espalhado na avenida com sprays. Já em 2008, a fim de contar a história do perfume, a agremiação espalhou o cheiro de rosas no sambódromo com borrifadores instalados nas alegorias.
 
Em 2010, a Rosas “deixou as pessoas embriagadas com vontade de comer" ao espalhar pela avenida o aroma de chocolate, conta a presidente Angelina Basilio. “Este ano é a essência de baunilha, que pra muitos traz sorte”, diz o carnavalesco Jorge Freitas.
 
Deficientes visuais
 
O encerramento do desfile da agremiação faz alusão a jogos de aposta e inclui 60 deficientes visuais em sua última ala. “Finalizo o tema dizendo que a sorte está presente em todos os lugares, basta a gente conseguir enxergá-la”, diz Freitas. Segundo ele, os deficientes visuais expressam a ideia de que a sorte, antes de tudo, deve ser “sentida

Fonte: UOL

 
 
 Galeria de Fotos
Novo centro de Saķde da CrianÁa e da Mulher
 
 
 Outras Notícias
VER TODAS
 

Rua Diogo Emanuel de Almeida, 234 - CEP: 84435-000 - GUAMIRANGA - Paraná

(42)3438-1148/3438-1157

prefeitura@guamiranga.pr.gov.br

Horário de Atendimento: 08:00 às 12:00 - 13:00 às 17:00

Última atualização do site: 27/07/2022 16:17:42